Os lugares abandonados mais bonitos do mundo #10

Sentiu falta da nossa série? Pois hoje temos mais dois lugares maravilhosos para conhecer e ficar com vontade de ir até lá. Se você perdeu o último post, é só entrar neste link aqui.

Pista de Bobsled em Sarajevo



Em 1984, Sarajevo (Bósnia) foi a sede dos Jogos Olímpicos de Inverno, e o governo de lá se mobilizou para construir toda a estrutura necessária para receber o evento. O nosso maior medo com os superfaturados estádios construídos por aqui por conta da copa é a realidade deles: depois de três décadas, a cidade é dona de um enorme elefante branco.



Além do vandalismo em torno desses 30 anos, a cidade também foi palco de uma guerra entre 1992 e 1995, o que colaborou ainda mais com a destruição de lá. Algumas minas ainda são encontradas no local e há risco de explosões em áreas isoladas. Os turistas possuem acesso livre somente em determinados locais.


No vídeo abaixo você conhece todo o percurso da pista com o auxílio da GoPro de um cara de bike que se aventurou por lá.




Craco, na Itália


Craco foi uma comunidade da província de Matera com 796 habitantes até 1963, quando foi evacuada e abandonada por conta de um deslizamento de terra. Hoje ela é considerada uma cidade fantasma e atrai milhões de turistas por ano. 




O vilarejo foi construído para receber os colonos gregos de Metaponto fugidos da Malária e tornou-se um território bizantino. Segundo informações do Wikipedia, durante o reino de Frederico II, Craco foi um importante centro militar estratégico. Em 1799, durante a República Napolitana, a população aderiu aos ideais republicanos e se rebelou contra o poder feudal mas a revolta foi reprimida com violência após a restauração bourbônica.




O vilarejo foi cenário de diversos filmes, entre eles A Paixão de Cristo, famoso filme dirigido por Mel Gibson, e 007 - Quantum os Solace, estrelado por Daniel Craig.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram