Gita: Amélia e Aurélia

12:25:00


Amélia é aquela
Que cedinho está na padaria,
Colocando café da manhã para família,
Despedindo-se do marido com Bom Dia
Já pensando no jantar, na chegada dele dizendo, Boa Noite Querida...

Amélia é aquela
Que lava e passa quase todo o dia,
Esquentando a barriga no fogão para esfriar na pia,
A cozinha é seu lugar de rotina,
(Quando não está na calçada, com a vizinha)

Amélia,
Mulher que ama mesmo sofrendo de verdade, pela mentira
É lutadora, trabalhadora, mas acima de tudo, mãe pugilista...
Há quem faça de sua lida uma novela de ladainhas,
Esqueça mulher, tanta gente piadista
Vá cuidar da missa, da comida e da casa limpa!

Aurélia é aquela
Que cedinho está vestida como rainha,
Colocando salto alto para estar mais no alto ainda...
Despedindo-se do computador como se fosse uma gata de estima
Já pensando mais quanto precisa para subir na vida.

Aurélia é aquela
Que pensa e repensa, ainda analisa,
Esquentando os neurônios nos problemas para resfriar na psicologia
A teoria é seu lugar de escrivaninha,
(Quando não está na prática, sendo professora de ideologias).

Aurélia,
Mulher que ama mesmo sofrendo de mentira, pela verdade
É consumidora, doutora, mas acima de tudo, solteira destemida
Há quem faça de sua vida uma história de conquistas
Esqueça mulher, tanta gente roteirista
Vá cuidar da burocracia , ler revistas e da empregada para faxina!

****************************************************
Prólogo:
Se existe diferente tipo de mulheres, deve-se existir um jeito mais justo de valorizar iguais merecimentos!




You Might Also Like

0 Comente aqui!

Parceria

Parceria

Facebook

follow me

follow me

Subscribe