2016? Que 2016?

21:14:00


Demorei para falar sobre 2016. Na verdade demorei para perceber que ele já estava acabando. E posso afirmar que não senti este último ano passar. Trabalhei sem pensar em segunda ou sexta, corri atrás do meu prejuízo sem reclamar, tudo feito tão por osmose que não senti o tempo, só fiz o que devia ser feito.
E pra muitos, 2016 foi um ano pesado. Um ano que se perdeu muito, se ganhou muito pouco. Um ano ingrato. E me preocupo em me dar conta que para mim, este ano que acabou foi tipo um buraco no tempo, o qual eu não percebi, não vivi e não tenho memórias de nada marcante dele. Para mim foi um ano fugido.
Mas o que posso perceber em meu balanço pessoal, é que foi exatamente neste 2016 que eu percebi a delícia que é o silêncio. O quão bom é ter paz ao invés de ter razão. A única coisa que busquei nestes meus dias que não senti passar foi ter momentos mais harmoniosos do que tempestuosos, e nossa... como isso vale ouro! Provavelmente é por essas e outras que não me sinto triste em não ter vivido o ano que acabou como eu deveria viver, se é que existe uma regra específica para isso... porque o pouco do tempo que tive, tentei aproveitar a minha paz ao máximo.
Também aprendi uma coisa muito valiosa, e isso foi muito mais com os erros dos outros do que os meus mesmo: é muito bom gostar da própria cia, e muitas vezes é bom estar somente em sua própria cia. São momentos como esses que olhamos para dentro de nós, refletimos com maturidade sobre o que nos falta e o que vamos buscar para mudar isso, onde podemos melhorar e o que podemos fazer para ter um dia bom. 
Por fim, também aprendi a fazer as coisas com mais amor, e não por obrigação. Que quando fazemos de coração, sai mais bonito, mais especial e mais natural. Se a gente faz algo esperando agradar alguém, ou vive a vida esperando surpreender alguém, o resultado não é legal. Não fica a nossa marca. Não existe legitimidade. 
E o que eu espero de 2017? Que eu o perceba mais! Que os dias sejam promissores, essenciais e mais marcantes, sem passar desapercebido como o outro!
Bom ano para vocês. Para todos nós!

You Might Also Like

0 Comente aqui!

Parceria

Parceria

Facebook

follow me

follow me

Subscribe