O que você precisa saber antes de ficar ruiva

22:41:00



De uns tempos para cá a mulherada caiu nas graças dos fios enferrujadinhos, e eu não fui uma exceção. E devo dizer que me encontrei neste tom, muito mais do que qualquer outro que já apliquei no picumã (e olha que não foram poucos). E para as gatjenhas que desejam fazer o mesmo, mas ainda estão com um pé atrás por receio, vou passar aqui a minha experiência para ver se ajudo um pouco na decisão. E separados por tópicos, devo te contar que antes de você tingir você precisa saber que...

1. Você terá que hidratar sempre

Não que um cabelo virgem ou tingido de qualquer outro tom não precise, mas digamos que o procedimento adotado para chegar ao ruivo colabora (e bastante) para o ressecamento dos fios. Portanto, adote uma hidratação que mais se enquadra no seu tipo de cabelo e faça-a semanalmente. Para o meu caso eu faço um revezamento com três tipos de hidratações feitas em casa mesmo: uma semana eu aplico óleo de coco, na outra faço uma misturinha de manteiga de karité com uma ampolinha de proteína, na semana seguinte aplico aquelas ampolinhas milagrosas da Pantene e por último, utilizo aquele 3 minutos Aussie. 

2. Se você não manja dos paranauês, faça com um profissional

É a melhor forma para não danificar os fios fazendo experiências em casa, e também a probabilidade de conseguir um resultado satisfatório de primeira com alguém experiente é maior. E se o tom que você deseja for um pouco complexo, sendo necessário fazer misturas de diversas tintas para chegar à cor, é melhor falar com quem entende do assunto. E não adianta dizer que viu na internet e fará igual, porque a experiência da coleguinha pode ser diferente da sua, por questões de cor de fundo, tipo de cabelo, etc etc etc.

3. Cabelo escuro = descolorante mode hard

Quanto mais escuro o seu cabelo for, mais tempo com descolorante ele terá que ficar. Se você tiver um cabelo preto ou castanho escuro, será necessário descolorir os fios de uma forma bem cuidadosa para não deixá-los elásticos ou extremamente ressecados. Quem tem os fios mais claros consegue chegar no tom mais enferrujadinho com facilidade, e em alguns casos, apenas o uso de um tonalizante será necessário. Mas isso também varia com o resultado que você busca.
A minha experiência começou com tonalizante, porque meu tom natural de cabelo é castanho claro, e eu já tinha feito balaiagem no cabelo. Quando o tonalizante já estava tom sobre tom e escurecendo o resultado ao invés de enruivá-lo, eu parti para tinta, mas tive que dar uma leve descolorada. Da última vez que refiz esta manutenção (eu costumo fazer esta descoloração no salão a cada dois anos), deixei o tom um pouco mais claro, e para isso precisei ficar um pouco mais de tempo de castigo na cadeira 

4. É uma cor que desbota fácil

Depois de perceber isso, sempre retoco o picumã com um tom mais escuro do que almejo, porque quando ele desbota, fica exatamente a cor que eu quero. Existem alguns recursos para manter a cor por mais tempo, mas como eu não tenho muito tempo e dinheiro para isso, optei por esta saída mesmo.

5. Se você não tem saco para cuidar do cabelo, repense 

Quando você opta por ser ruiva ou loira, a atenção ao cabelo deve ser redobrada, porque estamos falando de tons que exigem manutenção rigorosa, se não o que era para ser bonito, fica horroroso. Então, se você não tem muito tempo nem para cortar as pontinhas, quem dirá parar para fazer uma hidratação por semana, repense se valerá a pena fazer algo que depois você vai querer desistir ou se arrepender. 

6. Quanto mais claro for seu ruivo, mais rápido "a raíz aparecerá"

Se você pensa em ficar ruiva, mas não quer ficar retocando a raíz a cada 20 dias, estude com um especialista um tom que, quando seu cabelo crescer, não deixará sua raíz tão aparente em tempo recorde. Alguns tons mais fechados são os mais indicados - a raíz não aparece tanto em cabelos castanhos claros.

7. Se você tiver alergia a tintura, há outras saídas

Você já ouviu falar de henna? Algumas marcas são super indicadas para grávidas e para pessoas que têm alergia a qualquer tipo de tintura. Fora que é um recurso natural e o resultado é bem bonito. Mas aqui também é necessário estudar com bastante carinho, pois cada tom e caso exige uma receitinha e tempo diferente na aplicação. Ah, e também é praticamente uma saída permanente, já que para tirar um ruivo hennado, é um parto.

8. Dependendo do tom que você aplicar, depois ele será difícil de sair

Caso você se canse, enjoe ou não goste do resultado, dependendo do caso, tirar o ruivo pode ser mais difícil que aplicá-lo, precisando ou aplicar uma coloração mais escura (e dependendo do caso, o cabelo desbota e volta a ficar meio avermelhado), ou decapá-lo (tirar toda a tinta do cabelo com um produto específico).

9. Você vai ficar linda

Acredite nisso. Você pode até se assustar, caso ache a mudança muito radical... mas menina... depois de uns dias, você vai se sentir poderosa.




You Might Also Like

0 Comente aqui!

Parceria

Parceria

Facebook

follow me

follow me

Subscribe