Mischa Barros: #testdrive - Shampoo Seco Batiste


Olá pessoas!
Quem não ama essas invenções que chegam para facilitar as nossas vidas?! Eu amo! Nesse caso em especial, o sistema Cantareira de abastecimento de água também agradece. 
O shampoo seco entrou na minha vida de maneira despojada, mas não era exatamente shampoo. Na realidade eu usava talco antes de encontrar um produto que fosse destinado especificamente para os cabelos a ocasião faz o ladrão! Eu queria conservar minha progressiva e usar menos o secador. 
Assim que pude colocar minhas patinhas nesse produto, foi amor à primeira sprayzada (?).
A praticidade, a facilidade pra usar... é bem fácil fazer meleca passando talco de bebê na cabeça. Sem contar os travels size, ou seja, poder levar na bolsa e utilizar naquele momento de possível sufoco - melhor que carregar um pote de talco, né kirida.
O produto em si: já experimentei outros shampoos a seco no formato spray, inclusive marcas nacionais. Mas nenhum funcionou tão bem quanto o Batiste. Os outros sempre deixavam uma leve sensação de "passei laquê", quase que um cabelo crocante
As orientações são que você posicione a embalagem a alguns centímetros de distância da raiz do cabelo, e borrife o produto. Depois de alguns segundos esfregue com os dedinhos e penteie o picumã. Prontinho! Excesso de oleosidade foi embora! 
antes - depois

Deixei meu cabelo chegar no nível Kurt Cobain pra esse antes e depois, talvez por isso não tenha ficado tão nítido o efeito. Cá entre nós gente, nada substitui água e shampoo líquido na sua essência. 
Numa situação mais aceitável, os cabelos ficam perfeitamente soltos, com cara de limpinhos mesmo. É bom respeitar a distância entre o produto e os cabelos para evitar que ocorram acúmulos no couro cabeludo. Pode ficar uma névoa branca, nada atraente, na sua cabeça. 
Existem shampoos da Batiste específicos para cabelos escuros, loiros... Mas melhor manter distância, afinal, imagina o amor indo fazer um cafuné e sai uma crosta marrom nas unhas dele (a). PASSO.
A única coisa que não me agrada 100% é o cheiro. Já usei o Original, o Refresh e o Blush, mas nenhuma das fragrâncias roubou meu coração. Existe a versão com cheirinho de cereja, que infelizmente ainda não encontrei em terras tupiniquins. Mas serei paciente, uma hora acharei!
As embalagens maiores custam cerca de 30 Dilmas, o que eu considero um bom custo-benefício (200 ml de produto). Você pode encontrar Batiste em inúmeras farmácias, inclusive na Netfarma - para o seu conforto. Super recomendo pra quem quer conservar a progrê ou até mesmo usar menos ferramentas de calor no picumã. Usem com moderação!

4 estrelinhas do PhD! Prometo que quando eu tiver a versão com cheirinho de cereja serão 5!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram