Soraia: O que ganhar?

11:43:00



O casamento é um momento de celebração e, normalmente, celebrações são regadas a presentes. Até a década de 1990, era muito comum o estabelecimento de listas de presentes para os casamentos. Os noivos deixavam com seus pais listas com os itens que gostariam de ganhar e os amigos e parentes entravam em contato perguntando o que já havia sido comprado ou não. Adquiridos os presentes, era também costume que os casais preparassem suas casas até três meses antes do casamento para receber pessoalmente os presentes de seus convidados e mostrarem a eles seus futuros lares. 

Atualmente, as listas de presente estão disponibilizadas em lojas especializadas, inclusive no formato virtual, e os presentes podem ser entregues diretamente aos noivos, dispensando a tradicional visita. Para esclarecer algumas dúvidas sobre essas listas de presentes, foram levantados alguns aspectos que devem ser levados em consideração pelos casais. 



Listas comuns ou personalizadas 


Os casais podem adaptar suas listas às suas necessidades. Assim, não é difícil encontrar diferentes tipos de listas, as quais agradam todos os bolsos e gostos. Uma delas é a lista de presentes de produtos de cama, mesa, banho e eletroportáteis. Ela pode vir disponibilizada de duas formas: personalizada ou sugerida pela loja. A primeira é aquela em que os noivos escolhem o que querem ganhar, deixando especificados todos os itens. A segunda é uma lista preparada pela própria loja e que pode ser remodelada de acordo com os desejos do casal. Uma observação quanto a essa lista refere-se a denominada lista personalizada. Há lojas que permitem apenas a troca de até 30% dos itens repetidos, o que acaba mais atrapalhando do que ajudando os casais. A outra lista, apesar de não conter muitas vezes todos os itens que os casais querem, possui chance de troca de até 100% dos presentes, o que ajuda os noivos a personalizarem suas listas na etapa final. 

Outro tipo de lista de presente é o de lojas de eletrodomésticos e eletroeletrônicos. Essas listas possuem um formato bastante semelhante ao das lojas acima mencionadas. A diferença reside justamente nos produtos oferecidos e em seus preços. Cabe aos noivos escolher o que desejam ou aceitar as sugestões da loja. 

Em ambas as listas, o interessante é oferecer aos convidados lojas que possuam locais físicos e virtuais de atendimento. Assim, os convidados podem escolher o que querem comprar e como desejam fazer isso. Além disso, lojas que possuem unidades nesses dois tipos de ambiente facilitam o trabalho dos noivos no momento da troca dos presentes. 




Listas opcionais 

Hoje não é incomum ter casais que já moram juntos e encontram no casamento apenas uma forma de oficializar a união. Neste caso, os noivos já possuem uma infraestrutura, ou seja, têm casa, mobília, acessórios e eletrodomésticos, o que impede listas tradicionais de casamento. 

Para eles, existem duas alternativas: deixar claro aos seus convidados que o casal não quer presentes ou estabelecer listas opcionais de presentes. Caso o casal opte pela segunda opção, dois tipos de lista nesse formado são bem conhecidas. A primeira é a de compra de cestas básicas pelos convidados para instituições de caridade. Os convidados podem adquirir essas cestas e entregar aos noivos, para que estes levem às instituições, ou podem enviá-las diretamente para as instituições escolhidas pelo casal. 

A segunda é disponibilizar listas de presente de casamento em agências de viagem. Neste caso, os noivos escolhem o roteiro da lua-de-mel e disponibilizam cotas para os seus convidados para que eles depositem as quantias que desejarem na agência. As cotas variam de R$ 30 a 600, e cabe aos convidados escolherem quantas cotas querem dar ao casal. 



Vale lembrar que... 


Os noivos podem sempre optar por mais de um tipo de lista, de modo que ambas se complementem. 

 Não há limite de preços para os presentes, mas o interessante é que o casal escolha itens também de acordo com o perfil financeiro dos seus convidados para evitar constrangimentos. 

 A lista é sempre um guia, mas os convidados não precisam necessariamente comprar nas lojas disponibilizadas pelos noivos.



You Might Also Like

0 Comente aqui!

Parceria

Parceria

Facebook

follow me

follow me

Subscribe