Os melhores livros da quarentena - pt 1


Eu sempre gostei de devorar livros, mas depois que o Kindle entrou na minha vida, meu relacionamento com a leitura mudou para melhor. Antes eu lia uns três livros por ano, no máximo, mas agora com o gadget, leio praticamente um livro por semana. Mas este é um assunto para outro post: hoje eu vim mostrar alguns livros que li nesta quarentena que valem a indicação, principalmente por serem um tipo de entretenimento de arrancar suspiros. Essa lista é a parte 1:

O bom partido  - Curtis Sittenfeld

(disponível no Kindle Unlimited)

Inspirada no clássico Orgulho e Preconceito, a história mostra uma versão moderna dos personagens de Jane Austen, com uma linguagem gostosa (e nos oferecendo muitas palavras novas a serem aprendidas) e envolvente. O que mais me chamou a atenção foi o foco voltado para uma personagem que, pelo título da obra, seria facilmente uma coadjuvante em livros de histórias previsíveis. Liz é o exemplo perfeito de que muitas vezes nos colocamos como coadjuvantes da nossa própria vida, e mesmo assim não precisamos exatamente perder o nosso protagonismo. Apesar de passar metade do livro xingando muito as irmãs Bennet mais novas, me diverti horrores lendo esta história, e recomendo a todos que desejam garantir uma pitada de diversão em seu dia, principalmente nesses tempos difíceis.

Sinopse:
"Uma versão moderna e emocionante do clássico Orgulho e preconceito Uma versão da família Bennet – e de Mr. Darcy – como você nunca viu antes. Liz trabalha como escritora em uma revista e, assim como Jane, sua irmã mais velha instrutora de yoga, mora em Nova York. Preocupadas com os recentes problemas de saúde do pai, elas voltam à cidade onde nasceram para ajudar – e acabam descobrindo que tanto a bela casa em que cresceram quanto sua família estão desmoronando. As irmãs mais novas Kitty e Lydia estão ocupadas demais com seus treinos de CrossFit e dietas para arranjar empregos. Mary, a irmã do meio, está fazendo seu terceiro mestrado à distância e quase não sai do quarto, exceto para suas aventuras misteriosas nas noites de terça. E a Sra. Bennet só pensa em uma coisa: como casar suas filhas, especialmente com o aniversário de quarenta anos de Jane se aproximando. Até que chega à cidade o cobiçado médico Chip Bingley, famoso por ter participado do reality show Bom Partido. Em um churrasco de Quatro de Julho, Chip e Jane se interessam imediatamente um pelo outro, mas seu amigo neurocirurgião Fitzwilliam Darcy não tem a mesma sorte com Liz. Primeiras impressões, porém, podem estar erradas."


Você (não) é o homem da minha vida - Alexandra Potter

(disponível no Kindle Unlimited)

Leitura leve e deliciosa, com uma pitada de humor indispensável em um romance sobre destino, lendas e almas gêmeas. Leia com a mente aberta e coração fluído, pois a ideia é se divertir (e porque não, se apaixonar pelos personagens).

Sinopse:
"Uma comédia romântica original e mágica sobre o que acontece quando o sonho de toda menina de encontrar sua alma gêmea se torna verdade. O sonho da maioria das mulheres é encontrar o homem da sua vida. Lucy só quer se livrar dele. No instante em que Lucy conhece Nate em Veneza, durante o intercâmbio da faculdade, ela tem certeza de que é o amor da sua vida. Com toda a magia do primeiro amor, eles se beijam ao pôr do sol sob a Ponte dos Suspiros, o que, segundo a lenda local, os uniria para sempre. Passados dez anos, porém, eles perderam contato por completo. Até que Lucy se muda para Nova York, e o destino faz com que se reencontrem. E se reencontrem. E se reencontrem. Mas o Nate atual é muito diferente do que ela conheceu aos 19 anos, e Lucy preferia o antigo. Será que ele é mesmo sua alma gêmea? Como ela conseguirá se livrar dele? Afinal "para sempre" pode ser muito tempo..."



Lendo de cabeça para baixo - Jo Platt

(disponível no Kindle Unlimited)

Adorei a linguagem abordada na narrativa da história (que é muito típica de autoras europeias) e foi um livro perfeito para ler em meio a uma pandemia. Procurava algo para me distrair com leveza e simplicidade, e consegui! Aqui encontramos diversos personagens diferentes que lidam de formas diferentes com perdas diferentes, e todos eles se cruzam: a que foi largada no altar, o que lida com o luto em silêncio, casamentos que se acabam junto com o amor... não espere grandes reviravoltas na história, mas sim alguma identificação que você possa ter com um desses personagens. Se você como eu quer consumir conteúdos leves em um momento pesado, vá fundo nesta leitura - ela é rápida e deliciosamente divertida.

Sinopse:
"Abandonada no altar, Rosalind Shaw resolveu dar a volta por cima e se recuperar deste golpe que abalou sua vida pessoal. Ros, por sugestão do amigo Tom, resolve deixar o centro da cidade e começar uma vida nova na pequena St. Albans, onde se torna coproprietária de uma loja de livros usados e antigos. Nesse cenário, trabalhando na companhia de três novos amigos — o introspectivo sócio intelectual Andrew, a atraente e impecável ex-contadora Georgina e Joan, uma solteirona linguaruda —, ela tenta voltar a ser a pessoa que sempre foi: feliz, confiante e divertida. Quando tudo parece entrar nos eixos, Ros recebe a visita de seu vizinho Daniel, um tipo barbudo e desgrenhado, que bate à sua porta com um buquê de flores, um sorriso nervoso e novidades nada agradáveis... Com um enredo bem delineado, personagens cativantes e boa dose de humor, Lendo de cabeça para baixo é garantia de uma leitura deliciosa."

Consumir conteúdos leves e divertidos em um momento delicado como esse é fundamental, e garanto que estes três títulos farão jus a esta missão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram