O outono/inverno 2016 de nosso acervo



No último final de semana, demos adeus ao verão e boas vindas à nova estação. Enfim começaremos a tirar os casacos do armário, enrolaremos os echarpes mais charmosos no pescoço e ficaremos de olho nas tendências. Isso não quer dizer que devemos ir às compras, e sim resgatar os esquecidos do nosso velho acervo e adaptá-los da melhor maneira possível. Meu santo amigo Pinterest me ajudou neste post para mostrar as referências e como podemos utilizá-las de forma acessível no nosso dia a dia.

O animal print estilizado



O animal print é aquela mistura de amor e ódio eterna no nosso guarda-roupas, não é mesmo? Uma hora achamos cafona, daqui a pouco voltamos a nos apaixonar, e no meio desse looping infinito parece que ele voltou com um pouco mais de sofisticação. Ele que promete dar cor aos dias mais frios. 
Como adaptamos ao nosso armário?



Um toque de animal print deixa qualquer look perfeito para várias ocasiões diferentes. As estampas mais largas acabam proporcionando mais cores à combinação e tenho certeza que há algumas dessas peças em seu acervo.

Conjuntos estampados e monocromáticos




O famoso cãjunto, aquele que nossas mães insistiam em colocar na gente, também voltou com força total, de várias cores e formatos diferentes. Pode ser saia e blusa, calça e camisa, terninho, agasalhos... 
Ah, falando em terninhos, eles ganharam uma repaginada, e podem dar um diferencial para as monas reféns das roupas sociais no trabalho, com a barra da calça mais curta e cortes diferenciados nos blazers.

Como adaptamos ao nosso armário?



Acredito que aqui podemos brincar um pouco sem precisar seguir a cagação de regra da moda. Um conjunto não precisa ser basicamente duas peças da mesma estampa, e sim um vestidinho bem bonito. Aí é só jogar por cima o seu casaco ou cardigan predileto e pronto! Os terninhos ou conjuntos monocromáticos podem ganhar destaque com uma camisa mais ousada, ou fechados, evidenciando o decote de maneira passiva-agressiva (ohohoho). E pra quem não gosta de saltos, a próxima tendência colaborará para a sua satisfação:

Padronagem masculina


Alfaiataria, cortes masculinizados, estampa Principe de Gales (aquele xadrez bem miudinho, sabe?)... mais uma vez farão parte das araras das lojas. Tudo combinado à alguma peça bem feminina.

E como adaptar ao meu armário?




Jegging, oxford, calças de alfaiataria, blazers... há uma infinidade de possibilidades para essa tendência. O que combina com esta sofisticação é conforto, e é isso que a combinação precisa te proporcionar. Aqui suas camisas, camisetas podrinhas, tricôs, acessórios e saltos serão o contraponto feminino do look.

Preto longo


Aquele famoso pretinho básico ainda impera nas passarelas, porém, contudo, todavia, ele deixou de ser curtinho e ganhou um pouco mais de tecido em seu modelo. Os longos e longuetes serão as grandes apostas para o outono/inverno e eu tô amando isso!

Como adaptar?



Aqui eu sai um pouco do look padrão social/gala para opções do dia a dia, por motivos óbvios. Peças confortáveis, combinadas com tênis e jaquetas foram os meus preferidos na busca. A saia  + cropped ganha duas versões: uma mais sofisticada para a baladinha a noite, e outra bem casual, para bater perna na rua.  Pausa dramática para este vestido maravilhoso com jaqueta de couro. Muito amor!

Bege


Eu A-M-O cores sem graça! Quem me conhece sabe a enxurrada de cinza que tenho no meu closet. E o bege não fica atrás no quesito amor no meu coração. Ele ocupou o lugar das cores neutras rosadas, e jogando a real, é algo bem difícil de combinar com qualquer tom de pele, porque ele deixa a gente um tanto apática. Mas para solucionar esse problema, vamos às adaptações para a nossa realidade:




Ao invés de adotar o look total bege, como manda a tendência, escolha uma peça neste tom. Pode ser com preto, com branco, com cores da mesma escala de sobriedade, ou com o listrado, como mostra as últimas três fotos que ganharam meu coração. O toque final é você quem decide.

O que acharam das dicas? Consegue visualizar alguma peça do seu acervo? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram