Soraia: Restó Donté


Oi, gente. Deixei vocês na mão na semana passada, né? Mas hoje venho com uma dica bem bacana de culinária. Espero que gostem. 
Antes de mais nada, uma contextualização. Dia 26/05 foi meu aniversário e, como caiu em plena segunda-feira, resolvi comemorar com os meus familiares no domingo. Para facilitar um pouco as coisas (afinal, era a primeira vez que receberíamos nossas famílias em casa), optamos por um churrasco. Não me fiz de rogada e pedi ajuda aos universitários. Convidei apenas a família do meu marido (mãe, irmãs, sobrinha e respectivos), meus pais, meus avós e meu irmão e cunhada. Dois tios meus de Salvador, que estavam passando o fim de semana na casa dos meus pais também compareceram. Assim, seriam 15 adultos em um apartamento de 70 metros quadrados. Sem contar que trabalho aos sábados e só chego em casa depois das 18h e não teria tempo de preparar tudo. Ninguém se recusou a me ajudar. Graças a Deus. Não teria dado conta. 
A mamãe preparou a macarronese (a qual pretendo em um outro post passar a receita para vocês); uma das irmãs do meu marido preparou a maionese e a minha sogrona preparou uma panela de arroz e salada de batata. Eu fiquei encarregada do salmão ao forno, salada verde e vinagrete. O maridão, por sua vez, ficou encarregado das bebidas, dos espetinhos e de buscar o bolo que encomendei. O medo de receber bem as pessoas foi tanto que resultou em um problema: excesso de comida. O resultado foi o congelamento de inúmeros espetinhos e uma vasilha de restos de carne que os convidados não aguentaram comer. 
Durante uma conversa com o meu irmão e cunhada, eles disseram que nossos tios em Salvador adotaram uma técnica muito bacana. Assim que termina o churrasco, eles começam a cortar tudo que sobrou em pequenos pedaços, juntam arroz e fazem uma espécie de arroz carreteiro improvisado. Porém, no final da festa (que durou quase cinco horas), eu só queria saber de deixar a casa em ordem e aproveitar o resto do fim de semana para descansar um pouco. O maridão ajudou na arrumação e colocou toda a carne já feita em uma vasilha. Por conta disso, só consegui colocar em prática essa dica na terça-feira passada. 
Contextualização à parte, agora sim vamos para a receita, ok? 

Arroz de churrasco 

Ingredientes 
½ Cebola 
1 dente de alho 
Resto do vinagrete 
Restos do churrasco 
Arroz Sal Azeite 

Modo de preparo 
Corte em pequenos pedaços toda a carne já feita do churrasco e que sobrou. Não precisa separar as carnes por tipo. No meu caso, por exemplo, usei coraçãozinho, picanha, frango, linguiça de frango e coxão mole. Além disso, sobrou um pouco de queijo coalho. Piquei tudo isso e reservei em um recipiente. 


Em uma panela grande, coloquei o alho e a cebola e refoguei tudo no azeite até dourar. Depois, acrescentei parte do vinagrete sem o caldo. Só para aproveitar o conteúdo mesmo. Como tinha muita carne e também tinha sobrado bastante vinagrete, coloque mais de dez colheres de sopa. Esperei secar bem e fritar um pouquinho. Aí sim, coloquei a carne. Deixei a carne na panela por uns dez minutos, sempre mexendo.


Depois, acrescentei o arroz cru, deixei fritar um pouco e coloquei a água. Daí para frente, é só proceder como o preparo de um arroz normal, tanto pelo tempo de preparo como pelos temperos (quantidade de sal, por exemplo). O arroz ficou pronto em meia hora e ficou uma delícia acompanhado de vinho tinto seco. 


Vale ressaltar que a quantidade de arroz varia de acordo com a quantidade de comida (vinagrete + carnes) que sobrou. No meu caso, usei duas canecas de arroz. Meu marido, por exemplo, achou pouco. Eu já achei mais do que suficiente. Além disso, vou confessar algo. Quando comecei a receita, não sabia que ia render tanto. Aí, quando fui atrás do arroz, percebi que o arroz branco que tinha em casa só encheria uma xícara. A solução foi acrescentar uma xícara de arroz integral à receita. E não é que ficou bom?! Parte do resultado vocês podem conferir pelas fotos ou tentando elaborar a receita. Além de ficar bem gostoso e diferente, é uma ótima forma de dar aquela esvaziada na geladeira. Até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram