Soraia: Curta quem você ama



Era uma vez um casal que se amava muito. Essas duas pessoas se amavam tanto que resolveram casar para passarem o resto da vida juntos. Meses depois, eles perceberam que seriam mais felizes separados do que juntos. E, assim, cada um seguiu o seu caminho e eles foram felizes para sempre.

Esta semana, em comemoração ao dia dos namorados, meu texto não será sobre dicas para a festa ou para a cerimônia. A dica ficará por conta de uma reflexão sobre o relacionamento e dedico mais para as noivas do que para os noivos.

Para muitos dos casais, assim como a pequena história colocada no primeiro parágrafo, o pedido de casamento não é o início de uma vida a dois; ele é o inicio do fim do casal. Sejamos sinceras, meninas, a ideia do casamento é algo que agrada muito mais as mulheres do que os homens, com raras exceções. Assim, quando alguém nos pede em casamento tendemos a esquecer o que nos levou a querer casar com aquela pessoa e levamos todos os nossos pensamentos a coisas como decoração, vestido, bebidas e seleção de padrinhos e convidados. E é justamente quando começamos a errar (e feio!).

Dessa forma, convido-as (os noivos também estão convidados se estiverem afim de reverter o jogo...rs) a gastar um pouco de tempo não nos preparativos, mas sim na relação. Repito, não estou escrevendo isso somente por conta do dia dos namorados. Resgatar o romance ou o relacionamento deve fazer parte do namoro, noivado, casamento. Serve para nos lembrarmos porque aquela pessoa é o amor da nossa vida e porque queremos tanto envelhecer ao seu lado.

Coloque os assessores de lado, planilhas de planejamento e orçamentos. Separe um tempo para curtir quem você ama, sem aquelas perguntas de sempre ("amor, o que acha dessa flor para a igreja?", "querido, você já tem sua lista de convidados?, "mor, posso marcar com o fotógrafo para decidirmos onde tiraremos nossas fotos?") entre outras coisas relativas ao enlace.

Se estiver com um dinheirinho sobrando, reserve um quarto num hotel e passe um ótimo final de semana ao lado dele (a). Faça um jantar romântico ou vá a um restaurante. Vá ao cinema. Muito caro? Se tranquem no quarto, aluguem um bom DVD e aproveitem o friozinho para assistirem ao filme bem juntinhos. Lembre seu parceiro (a) do quanto ele (a) e importante para você e que ele (a) é a prioridade.

Casar demanda muito esforço e, até porque não dizer, sacrifício (principalmente financeiro). Se não separarmos um tempinho para valorizar o que realmente vale a pena, talvez seja hora de rever conceitos e o motivo que lhe levou a fazer o pedido ou a aceitar o pedido. Celebre a vida e quem está a seu lado. Afinal, não é um fim de semana romântico ou uma noite especial que fará com que os preparativos para o casório desandem, certo?

Beijos, bom namoro e ate a próxima.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram