Soraia: Quando o “sim” é só o começo...




Brinco muito com as minhas amigas com o seguinte: se alguém tivesse me dito há um ano que em 2011, com quatro meses de namoro, eu já estaria noiva e com casamento marcado, certamente riria na cara desta pessoa. Mas foi exatamente isso que aconteceu.
Atualmente, muitas mulheres levam uma vida independente e não pensam necessariamente em casar para ter filhos, ou ainda em casar de “papel passado” para ter um marido. Os valores mudaram, assim como a concepção de família e o que é necessário para ser feliz. Algumas só precisam de liberdade. Outras, de um bom pedaço de bolo trufado de chocolate. Ainda tem aquelas que simplesmente querem tudo do jeito mais tradicional possível (ou pelo menos o mais próximo disso). Encaixo-me neste último quesito.
Quando disse o famoso “sim, eu aceito”, estava tranquila. Tinha sonhado o meu casamento desde menina e sabia o que queria: uma cerimônia simples, na praia, com no máximo 250 pessoas, vestido igualmente simples, sandália com pezinhos à mostra, cabelos soltos, pôr do sol ao final da festa. No entanto, eis que surge um noivo na minha vida com uma lista de mais de 250 convidados (só da parte dele), famílias e amigos vindos de ambos os lados (o que inviabiliza logisticamente uma cerimônia na praia) e as opiniões de pais, parentes e amigos. Você aprende que o casamento envolve mais do que apenas seus desejos, e que o que estava pronto e certo no mundo dos sonhos toma proporções completamente novas e inesperadas, tornando-se o mundo real.
Um mundo em que se deve pensar em decoração de igreja e salão, degustação de pratos, músicas, bebidas, coral, carro, lua-de-mel, fotógrafo etc. É esse mundo real que irei compartilhar mensalmente com vocês. Detalhes que as mulheres só tomam conhecimento quando elas mesmas dizem o “sim”. Amigas podem casar e você pode até ser o braço direito delas, mas o bicho pega na real quando as coisas acontecem com VOCÊ. Assim, darei dicas e mostrarei o cotidiano da preparação de um casório. Espero que gostem e que possamos juntas compartilhar informações e experiências.

Até breve!

Um comentário:

  1. Estarei acompanhando, afinal de contas não 'e porque meus 3 casamentos não deram certo, ou em nenhum desses tive a cerimônia de todos os sonhos e realidades que vou desistir, não 'e? Boa sorte, e saiba que já me animei para um quarto casório!

    ResponderExcluir

Instagram