Bruh: Namoro x Trabalho - Como sobreviver a essa relação

Quem nunca se sentiu atraído por um colega de trabalho que atire a primeira pedra! É pois é, afinal é no trabalho que passamos a maior parte das nossas horas e muitas vezes é nesse ambiente que surgem amizades douradoras ou até mesmo namoros longos que resultem talvez num CASAMENTO.

E ai.. relacionamento com colegas de trabalho, será que pode dar certo?

Serão diversas as opiniões, mas talvez somente pessoas que de fato vivenciam esse tipo de experiência possam falar com mais clareza e responder a essa pergunta.

Como todo relacionamento, ele pode ou não dar certo. Pode ser apenas uma 'saidinha', que pode virar um namoro e quem sabe um casamento. Existe dezenas de casos e as pessoas tendem a procurar seus parceiros em locais como escolas, universidades, igrejas e por que não no trabalho? É lá que se passa a maior parte do dia, é o lugar onde se tem uma convivência frequente com as pessoas, tais como nos outros lugares citados. Dificilmente você encontrará alguém que conheceu seu marido na night, badalando nas casas noturnas, indo ao cinema sozinha ou fazendo compras no shopping. É claro que isso naturalmente pode acontecer, mas as chances são menores. A convivência é menor, logo se conhece menos a pessoa e menos chances de se apaixonar por ela você tem!

Mas pra saber se seu relacionamento vai mesmo dar certo ou não você tem que tentar, assim é com os casais que trabalham numa mesma organização e nem sempre exatamente no mesmo ambiente (prédio, setor, departamento). Só que nesse caso, além da rotina existe outras dificuldades a serem dribladas, que talvez você não encontraria num namoro 'comum'.

Você tem que estar preparado pra comentários maldosos de todos os lados, infelizmente sempre terá alguém com tempo ocioso para observar sua vida e suas atitudes dentro da empresa, então tome nota de algumas dicas:


No ápice da paixão, o recém casal não pode deixar que conversas ou outras coisas atrapalhe o seu rendimento durante as atividades. Empresa nenhuma vai querer manter um casal que não rende porque está apaixonado e que ainda aproveita o horário comercial pra 'namorar'.

Qualquer deslize será motivo pra um comentário. É preciso saber manter a descrição e separar o lado profissional do pessoal. Dentro da empresa você e ele não são um casal. É como se estivessem em locais diferentes e ao encontrá-lo você deve tratá-lo como trataria qualquer outro colega, sem expressar muita afinidade.

Vocês se 'verão' todos os dias, dependendo da situação todo o tempo. Se nos casamentos as pessoas reclamam de brigar e ter que dormir com a pessoa, diferentemente do namoro, no qual cada um vai pra sua casa até passar, nesse tipo de relação você é obrigada a encarar o outro com naturalidade, mesmo querendo esganá-lo, em alguns casos você pode até mesmo que ter que resolver questões profissionais e nesse momento de forma alguma suas richas pessoais devem interferir nos resultados da equipe.

 E imagine conviver TODO o tempo do seu dia com seu parceiro? Pois é! Além de morarem juntos ou de se verem aos finais de semana você ainda tem que passar 8 ou 9 horas diárias no mesmo ambiente de trabalho que ele. Isso não é pra qualquer casal. Saudade torna-se difícil e alguns relacionamentos podem não resistir a esse 'grude'.

 Se ele ou ela for bonito, você terá que ter muito jogo de cintura. Há pessoas que não se importam se estão no trabalho ou não, elas realmente 'caem matando', então, coisas que em outra situação você não seria obrigada a presenciar, você terá que engolir quietinha, principalmente se o namoro de vocês não for explícito. E entender que as atitudes que você deve levar em consideração são a do seu parceiro e não da atiradora de elite.

 O relacionamento acabou. E ai? Quando um relacionamento termina só mesmo a distância para fazer esquecer. Trabalhando no mesmo lugar, mesmo que por acidente, ambos podem se encontrar. E ai vai dar aquela sensação ruim e mais tempo vai demorar pra se chegar ao amadurecimento pós fim de relacionamento.

Resumindo, assim como qualquer relação, um namoro ou casamento entre colegas de trabalho pode dar certo, desde que alguns valores sejam preservados, o que não deve ser diferente para outros casais. O importante é ser profissional dentro da empresa e namorada fora dela. O segredo do sucesso na carreira e no amor está no equilíbrio, respeito e bom senso, o que também não pode faltar em qualquer outra relação.

Escutamos muito que não devemos deixar nossa vida pessoal interferir na profissional, mas quando você deixa de viver um amor por causa do seu trabalho, você está deixando que a sua vida profissional interfira na sua pessoal, sem ao menos saber em qual dos aspectos você seria mais bem sucedido.

Na dúvida, use o bom senso e o profissionalismo pra conquistar sucesso em ambos e BE HAPPY!


Quer publicar sua história no PhD? Envie seu texto e foto para phdemseilaoque@gmail.com, com idade, blog e Twitter (se tiver) que postaremos aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram