Elegância para todas as formas


Na semana passada, Bruna B mostrou pra vocês algumas mulheres super elegantes mesmo fora de forma, no post Sobre o padrão de beleza. Aproveitando esse gancho, separei para vocês algumas dicas muito úteis para manter a forma sem precisar passar fome, e ser elegante com o que você realmente é. Aqui no PhD batizamos de "dieta do amor próprio".

Se você está acima do peso ou é super magrinha, a dieta do amor próprio funciona da seguinte maneira: o primeiro passo é você se olhar no espelho, usando somente uma lingerie, e se dar conta que és dona de um corpo incrível. Há mais beleza em uma mulher despida do que qualquer outro adjetivo pejorativo que possa ser imaginado. E como diz Liz Gilbert para a sua amiga em uma pizzaria na Itália, a qual está com medo de comer porque engordou 4,5kg no incrível filme Comer Rezar Amar, (realmente vale muito a pena clicar nesse link!) "Alguma vez, ao se despir diante de um homem, algum já te pediu para ir embora ou sumiu? Claro que não! Eles não ligam! Você está nua - ele ganhou na loteria!". Portanto, lembre-se que seu 'conteúdo', o que preenche sua roupa, deve ser muito bem cuidado, amado e protegido.

O segundo passo é aprender a amar verdadeiramente. Quem pratica tal sentimento por si mesma é dona de uma incrível auto estima; aquela que embeleza naturalmente qualquer pessoa. E claro que amar verdadeiramente se resume em SE AMAR em primeiro lugar. Tirando isso de letra, com certeza você terá todo espaço no coração para amar outra pessoa de forma saudável. (veja o caso da E.M no post "A ex gordinha envergonhada").

Com estes dois passos posto em prática e tirado de letra, você estará pronta para o terceiro e último passo: saber adequar TUDO ao seu biotipo, sem dores de cabeça e sem frustrações. Já parou para ver quantas e quantas consultorias ensinam a fazer isso? Temos até um programa todo trabalhado nessa dedicação, chamado Esquadrão da Moda! E não precisa ter vergonha em se aceitar: lembre-se do passo número 1 da dieta do amor próprio!

Vejam as dicas que separamos com a ajuda dos nossos parceiros da Renner, que lançaram no começo do mês a preview da nova coleção outono/inverno. São peças super charmosas que deixarão você irresistível para a próxima estação. As fotos são de Fernanda Davoglio:

Apostando nas estampas

Para as magrinhas, as estampas de diversos tamanhos podem ser usadas e abusadas. Listras horizontais, florais e oncinhas dão um certo volume ao corpo. As mais cheínhas podem usar também a batinha florida, desde que as flores sejam miúdas.



Clique na imagem para ampliá-la


Tubinhos e longas

As saias costumam dar um trabalho maior na hora de fazer tal combinação. Por exemplo, a primeira opção fica muito boa para quem está acima do peso, desde que o quadril não seja muito largo e com uma blusa escura. Para quem está abaixo do peso, o ideal é usar com uma peça larguinha na parte de cima. Como se trata de uma saia de cintura alta, obviamente as blusas devem ser usadas por dentro.
A segunda opção só pede um cuidado: para as magrinhas o ideal é usá-la com botas de cano alto, e para as gordinhas, um sapato mais leve.




Casacos e sobretudos

Os casacos com demarcação abaixo dos seios podem ser usados e abusados para quem tem seios fartos ou aquela barriguinha. As demarcações na cintura dão um volume considerável para quem não tem muito quadril. O xadrez, modelos militares e as peles sintéticas dão o toque charmoso da estação.



Camisas

Ambos os modelos apresentados são ótimos para todos os formatos de corpo. Só deve ter atenção as donas de bustos fartos com a marcação da camisa branca (dê preferência para as que marcam abaixo dos seios, ao invés da cintura). Lembram das estampas miudinhas? Olha ela aí!




O vestidinho abaixo é perfeito para as magrelinhas de plantão. Ele é romântico, marca bem a cinturinha e o cinto remarca ainda mais a área, dando volume ao quadril. Com salto ou sapatilha fica perfeito!

Agora que você já sabe os três passos para o melhor regime do mundo, que tal colocá-lo em prática e nos contar o resultado? Comente ou nos envie sua história pro phdemseilaoque@gmail.com. Ainda dá tempo de todo mundo ver sua história aqui, publicada no PhD.
E não esqueça de seguir a gente no twitter! Logo mais faremos nosso primeiro sorteio, e só lá que você ficará por dentro das novidades do blog: @phdemseilaoque


3 comentários:

  1. Disse tudo! Boa forma é estar de bem com o que somos de verdade!
    Adoro esse filme, adoro a Renner, adorei tudo!
    Parabéns!
    Jana

    ResponderExcluir
  2. Adorei essa dieta de auto-estima! Diz tudo! Pena que as meninas que sofrem com isso não abrem os olhos e pensam assim! Beijo

    ResponderExcluir
  3. Amei :D
    http://allabooutmyheart.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Instagram